Natália Lopes

Casas Populares da BR 232 lança 1º álbum com shows na Terça Negra e nos Festivais do Coco de Umbigada e R.U.A.

Postado em Atualizado em

Shows gratuitos acontecem nos dias 23, 25 e 28 de julho. Intitulado “Negraíndia”, disco celebra 15 anos de trajetória do grupo. Gravação do CD e apresentações de itinerância nacional têm incentivo do Funcultura

Após 15 anos de trajetória, a banda Casas Populares da BR 232 lança o seu primeiro álbum. O grupo faz os primeiros shows de “Negraíndia”, na Terça Negra (23/07, terça, 22h), no Festival do Coco de Umbigada (25/07, quinta, 21h) e Festival R.U.A. (28/07, domingo, 17h). As entradas dos eventos são gratuitas. Sob a direção da produtora, cantora e compositora Isaar, o trabalho traz uma mensagem de solidariedade e amor, com canções de protesto e liberdade, passeando pelas tradições musicais do Nordeste e Norte do Brasil, pensando ainda nas expressões musicais de Matriz Africana e indígena da América Latina. “Negraíndia” já está disponível para audição nas principais plataformas digitais. Com Incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura PE), além destes shows, a banda vai circular por João Pessoa/PB, Brasília/DF e São Paulo/SP.
Leia o resto deste post »

Anúncios

Casas Populares da BR 232 lança seu primeiro álbum nas plataformas digitais

Postado em

Evento acontece na segunda (25), às 19h, na loja Passa Disco, no Recife. “Negraíndia” celebra 15 anos de trajetória do grupo. Gravação do CD e shows de itinerância nacional têm incentivo do Funcultura

Após 15 anos de trajetória, a banda Casas Populares da BR 232 lança seu primeiro álbum. Na próxima segunda-feira (25/03), às 19h, o grupo libera as músicas de “Negraíndia” nas plataformas digitais e faz uma audição na loja Passa Disco, no Recife. A entrada é gratuita. Sob a direção da produtora, cantora e compositora Isaar, o trabalho traz uma mensagem de solidariedade e amor, com canções de protesto e liberdade, passeando pelas tradições musicais do Nordeste e Norte do Brasil, pensando ainda nas expressões musicais de Matriz Africana e indígena da América Latina. Com Incentivo do Fundo Pernambucano de Incentivo à Cultura (Funcultura PE), além da gravação do disco, a banda vai circular com shows por Recife/PE, João Pessoa/PB, Brasília/DF e São Paulo/SP. Leia o resto deste post »